Sono e alimentação do bebê aos 4 meses.

Problemas mais comuns e as soluções:

“O bebê nunca mama no mesmo horário do dia” - O bebê está em uma rotina estruturada? Se ele mama cada dia em um horário, é óbvio que não. Uma coisa que eu aprendi aqui em casa é que devemos nos organizar melhor e estabelecer alguns horários sim! Nos dias em que deixei o Paul dormir até mais tarde, ele mamou menos, dormiu menos durante o dia e levou quase uma semana para tudo voltar aos eixos. Pode parecer maravilhoso deixar o bebê dormir o quanto quiser, mas seja forte! O que você deixar agora precisará ser compensado depois, e aí é só uma etapa a mais que já deveria ter sido superada. É claro que uma pequena variação é ok. Aqui, a primeira mamada oficial é às 7h. Se ele acordar às 6h30 com muita, muita fome, claro que dou o leite. Mas antes das 6h, não precisamos mais dar, pois em todas as vezes ele tomou somente metade da mamadeira, comprovando que não acordara por fome. Podia estar com gases, saco cheio de dormir, querendo companhia, mas não era fome, então percebemos que o certo é segurar mesmo até 6h30-7h. Assim, como regra geral. Óbvio que se ele parecer faminto eu vou alimentá-lo, mas ainda não aconteceu. Eu levanto às 6h30, troco de roupa e já preparo a mamadeira. Às 7h, ele está mamando. É muito importante manter o horário para ele mamar direito (falarei sobre isso abaixo), além de ser bom para eu me organizar, planejar o dia.

“O bebê quer mamar de 2 em 2 horas” - Nenhum bebê de 4 meses precisa mamar de 2 em 2h, a não ser que ele não esteja mamando direito a cada mamada. Pode ser que ele seja adepto dos lanchinhos – mama pouco aqui, pouco ali. Nunca passamos por isso nessa fase, mas se passasse, eu aumentaria a quantidade de leite ingerida durante o dia em cada mamada e faria o PU/PD durante a noite (essa é a recomendação da Tracy Hogg).

“O bebê termina de mamar tão rapidamente que eu acho que ele não está mamando o suficiente. Isso também o tira do horário” - Você viu acima a possibilidade de o bebê fazer lanches. Verifique se não é o caso. Além disso, você pode ordenhar seu leite para verificar quanto está saindo.

“O bebê não parece interessado em comer. Os horários das mamadas parecem obrigações” – Vários fatores atuam aqui. O principal é que, ao completar 4 meses, o bebê passa por um impulso de crescimento forte. Muita coisa está acontecendo – ele enxerga praticamente tudo, consegue pegar os objetos, interage mais e é curioso com tudo ao seu redor. Com isso, ele se movimenta mais e seu organismo está mais desenvolvido. É necessário fazer a transição de uma rotina de 3x3h para 4x4h. O estômago do bebê é maior e já aguenta uma quantidade de leite maior (e por mais tempo), especialmente bebês alimentados com leite artificial. O ideal é, com 3 meses e meio, já observar o padrão do bebê. Se ele estiver mamando menos do que costumava mamar, vá aumentando em 15 minutos o intervalo entre as mamadas, durante alguns dias. Quando o Paul completou 3 meses, ele já fazia 3h15x3h15 naturalmente. Observei seu comportamento durante alguns dias, e com 3 meses e 10 dias ele já fazia 3h30x3h30. Fui deixando o intervalo se estender no ritmo dele, sem deixá-lo passar fome (óbvio). Ele ficou bastante tempo no 3h45x3h45 – na verdade, estabilizou em 4x4h há poucos dias mesmo, e ainda estamos em observação. Mas fazer a transição é essencial. No primeiro dia em 4x4h, ele dormiu a noite toda e mamou bastante. Antes, ele tomava de 100 a 140ml de leite por mamada – agora, toma de 140 a 210ml, por vezes querendo mais! Além dessa transição, a Tracy Hogg diz que é provável que o bebê fique durante uma ou duas semanas terrível, sem interesse em mamar e querendo olhar ao redor. É fase e passa. Tenha perseverança.

“O bebê está acordando mais cedo” - Se o bebê chora por estar com fome, alimente-o mas coloque-o de volta ao berço para continuar dormindo. Aqui, faço o seguinte: se já está claro (a partir das 6h) e ele acorda com fome, dou a mamadeira e inicio a rotina. Antes disso, se ele parecer faminto, dou a mamadeira no escuro e já o coloco para dormir logo depois de arrotar, sem estímulos ou atividades. Isso serve para continuar ajudando-o a distinguir o dia da noite. Ele fica sabendo que, se estiver com fome de noite, será alimentado, mas ainda não é hora de brincar. Tem funcionado bem por aqui.

Considerações gerais:

Quantidade de leite: em média, um bebê entre 4 e 6 meses ingere de 750ml a 1,07l por dia. Paul está tomando cerca de 900ml.

Adendo meu – papinhas: por orientação da pediatra (e confesso que estava morrendo de ansiedade), comecei a introduzir frutas e sucos no dia-a-dia dele. Porém, encaro essa fase dos 4 aos 6 meses como um “treinamento” para os sólidos. Estou fazendo o teste dos três dias com cada alimento, o que nos dá a oportunidade de experimentar 20 tipos diferentes, em dois meses. Isso inclui misturas, tipo suco de laranja com cenoura. Assim, nada muito aventureiro. Dou o alimento diferente apenas uma vez por dia. Almoço e janta ele terá somente com 6 meses. Na próxima consulta com a pediatra eu explicarei como estamos fazendo e pedirei algumas opiniões.

Rotina da Tracy Hogg para bebês aos 4 meses: mamar de 4x4h (7h, 11h, 15h e 19h), tirar duas sonecas de 2h por dia (uma de manhã e outra no começo da tarde) e uma soneca rápida no cair do dia. Mamada dos sonhos continua. O bebê fica acordado durante 2h, contando com o horário em que está mamando. A mamada das 19h pode ser dividida em duas (a chamada “refeição robusta”), para aumentar o suprimento de leite noturno: uma às 18h, dá banho, e outra às 20h, antes de dormir.

Objetivo ideal:

07h00 – acorda e mama
07h30 – atividades
09h00 – primeira soneca do dia (deve durar 2h)
11h00 – acorda e mama
11h30 – atividades
13h00 – segunda soneca do dia (deve durar 2h)
15h00 – acorda e mama
15h30 – atividades
17h00 – soneca rápida (de 30 a 45m)
18h00 - atividades calmas
18h30 – tomar banho
19h00 – mama
19h30 – hora de dormir
20h00 – deve estar dormindo
23h00 – mamada dos sonhos

Minhas dicas para fazer funcionar:

- Se, na hora de mamar, acontecer algum imprevisto (ex: ele fizer cocô e não parecer mais interessado), troque a fralda rapidamente e fique com ele até completar a meia hora. Pode ser que ele mame mais (no peito é mais provável), mas com a mamadeira ele pode rejeitar. Tudo bem, mas seja forte para aguentar o intervalo de 4h! Se você já introduziu algum outro alimento, talvez seja uma boa oferecer daqui a duas horas, antes da soneca, para ele não ficar com fome. Se não, você pode dar um pouco (um pouco!) de leite para ele dormir bem. Exemplo: se ele mamou 100ml em vez dos 180ml habituais, eu dou 60ml depois de duas horas. Porém, não recomendo fazer isso sempre, porque de certa forma é uma redução para 2h de intervalo. Faça somente quando for um caso excepcional – não deixe que vire regra.

- Se, na hora da soneca, ele acorda antes, faça o PU/PD (se estiver chorando) ou deixe-o no berço se distraindo com alguma atividade leve até dar o horário. Por quê? Porque a soneca serve para restaurar o ânimo do bebê e garantir que ele fique descansado e bem. Se ele não dorme, sentirá mais fome, ficará muito cansado e, de noite, tudo isso se acumulará e será descontado na madrugada. Eu faço assim: se o Paul desperta uma hora depois de eu colocá-lo para dormir, eu o pego no colo e faço como se estivesse colocando-o para dormir só naquele momento. Fico com ele ali até adormecer novamente. O pior que pode acontecer é ele passar a próxima hora no colo, sem dormir, mas pelo menos “como se estivesse dormindo”. O essencial é não agitar muito, pois ele deveria estar dormindo. Isso tudo se ele desperta mesmo. Se acorda chorando, geralmente a chupeta resolve o problema.

- A partir das 16h, calmaria total. Guardo todos os brinquedos coloridos demais, que fazem barulho ou superestimulam. Isso ajuda a preparar o ambiente para o sono – e o psicológico dele também.

Meus desafios:

- Mamada dos sonhos. Ele está acordando antes do horário, tipo umas 21h40. Para piorar, não consigo fazer o PU/PD porque o Ande interfere muuuito e quer pegá-lo para ficar com ele um pouco. O resultado é que ele fica acordado um tempo, brinca, e sabe, é de noite. Entendo o lado do Ande por querer ficar com ele, sem tê-lo visto o dia todo direito, mas acho complicado. Só deixo porque, ao contrário do que eu pensava, quando isso acontece ele dorme melhor a noite toda. O outro lado bom é que aproveito para trocar a fralda, se ela estiver muito cheia de xixi. Não sei se ele acorda por causa da “refeição robusta”, que o acostuma em mamadas a cada 2h (?). Hoje tentarei dar só a mamada das 19h, depois do banho, sem fazer em duas partes, e daí conto o resultado.

- Chupeta. Essa noite ele dormiu super bem e acordou só às 5h requisitando a chupeta. Das 5h às 5h30, precisei levantar 3x para recolocá-la, porque ele acordava chorando quando caía, mas das 5h30 ele dormiu direto até às 7h. O problema é que agora ele aprendeu a segurar a chupeta e tirar da boca. Antes ele só enroscava o dedo e ela saía, mas agora, além de cuspir, ele segura a bendita/maldita e arranca. Colocar de volta ele não aprende né? hehe.

- Cama compartilhada. O assunto foi mais problemático há alguns dias. Quando o Ande começou a ficar com dor nas costas por causa disso, eu resolvi dar um basta, porque ele quer fazer as coisas sem pensar direito nas consequências, e taí a prova (usei tudo isso como argumento pra ele e ele concordou, afinal, sem graça). O berço fica ao lado da nossa cama. Sinceramente, ele fica ótimo ali – aliás, bem melhor do que conosco, porque no berço ele tem mais espaço. Seguindo as dicas da Di, coloquei um cobertor embaixo, para ele deitar em cima, e o vesti com duas roupas depois do banho. Além disso, usei o cobertor mais fino (termocel) para enrolá-lo da barriga para baixo, tentando evitar que ele se descobrisse durante a madrugada (e acordasse com frio). Ele não se desenrolou e dormiu super bem até às 5h, quando dei a chupeta, e foi até às 7h (quando eu o acordei sutilmente, pois ele ainda dormiria um pouco mais). Achei engraçado porque foi a primeira vez que ele “andou” no berço – acordou lá embaixo, quase no pé da cama, todo esparramado. Com certeza é melhor para ele dormir ali, no cantinho dele, e a gente no nosso. Quando ele ficou acordando entre 5h e 5h30 querendo a chupeta, o Anderson me disse todas as vezes “traz ele pra cama”, e eu mandei ele se controlar, haha. Eu estava determinada a levantar e colocar a chupeta quantas vezes fosse, mas não o levaria para a cama. Porém, foi tranquilo. Acordou só essas 3x e depois dormiu direitinho.

About these ads
This entry was posted in Alimentação, Encantadora de bebês, Sono. Bookmark the permalink.

12 Responses to Sono e alimentação do bebê aos 4 meses.

  1. Thais Bessa says:

    Haha, fala pro Ande que ele é o único pai que eu já ouvi falar que quer deixar o baby na cama, e não tirar! Mas tem o lado bom, né, ele é grudado no filho. Melhor que um pai relapso.A única coisa que eu faço bem diferente é com as sonecas. Se ela acorda depois de uma hora, eu deixo, porque eu sei que o sono acima de 45 min/1 hora é reparador. Se ela acorda com menos que isso, aí sim eu insisto. Na verdade, nem olho muito quanto tempo durou mais, só de olhar na cara dela sei se ela está recuperada ou se ainda precisa dormir mais.Bjos

  2. Anita says:

    Oii, Thais… muito legal o seu blog! Tenho uma bebezinha de 2 meses e estou tentano seguir a rotina da encantadora… pena que eu só soube da exisyência desse livro há umas 2 semanas… quano eu já estava fazendo um monte de coisa errada =/Eu queria te pedir umas dicas… não consigo fazer minha filha mamar a cada 2,5 ou 3h – ela vive no peito… a cada 40 ou 50 minutos e eu sei q não é fome! (ela mama ex) Ela fica chupetando p poder dormir ou se acalmar. Já tentei dar chupeta várias vezess e nada;;; daí não consigo seguir a EASY..O que eu consigo fazer é dar banho sempre nos mesmos horários e fazer um ritual do sono… alguma dica??Beijos. ;)

  3. muito boa as dicas!Adorei!Vc ta de parabens!

  4. Ebaaa! Adoro esses posts seus com dicas do EASY!!! :) Thais, seu filho dorme o tempo todo com a chupeta na boca? Nossa, meu filho agora deu para acordar muitas vezes a noite… está me acabando! E pior é que não sei o motivo.. me sinto mal! Não consigo identificar o que ele quer :( Só sei que não é fome, pois essas acordadas são logo após ele mamar 120ml! Beijos!

  5. Adorei as dicas…nossa é só ler seus post e minhas dúvidas são respondidas…rsrsrsTmb tenho que resistir a ideia de levá-lo para cama as 5 da madruga como tenho feito aqui,pois depois de mamar as 5h ele geralmente dorme, ou as vezes fica meio dormindo meio acordado, ai eu coloco ele na cama,porque a chupeta cai toda hora, e as vezes ele resmunga, outras vezes ele nem liga,mesmo assim tenho que ficar alerta,pois dia desses a chupeta foi parar com o bico dentro do ouvido dele…hahahanão sei como,mas foi…rsrsNão estou conseguindo introduzir o esquema de mamar a cada 4 horas, tem vezes que ele só mama 90mL ai em 1 hora e meia já tá com fome e isso acaba bagunçando tudo aqui!!mas creio que quando for a introdução de sólidos vai ficar mais tranquilo, eu acho..rsrsbjs

  6. Thais, votei no seu blog! Se ele virar livro eu querooooooo!!!!bjossshttp://gabykmara.blogspot.com/

  7. Daniele says:

    Olá Thaís, tudo bem..leio seus posts todos os dias. Tenho um bebê chamado Josué Themba( nome zulu que significa esperança de 5 meses e meio, ja introduzi almoço e janta conforme solicitado mas estou tenho dificuldades em como encaixar esses sólidos na rotina da EB, eu não tenho esse livro comigo e tudo que adapto é conforme o que vc ensina n seu blog. Vc poderia por favor me adiantar a rotina na introdução dos alimentos,quantas mamadas e que horas devo dar? Vc não imagina o quanto me ajudaria, depois da introdução dos sólidos a rotina dele bagunçou um pouco e está até afetando o soninho dele. Meu email é: danmissoes@gmail.comMuito obrigado pela força e por esse blog encantadorAbraçosDaniele

  8. Di says:

    Oi Thais! Que bom que funcionou! Agora que vai começar a esquentar de novo vai ser mais facil fazer essa transição (sem contar que o Ande vai perder a desculpa que o Paul fica com frio! rs)Olha essa questão de avordar pra ver o Ande a Beca fazia igualzinho, na mesma epoca! Como vi que ela estava com essa necissidade naquele momento, eu deixava ela dar uma soneca longa no fim da tarde, de ate 1h30, e deixava o ritual do sono pra ele fazer quand chegava. Era assim, bem vapt vupt, chegava enchia a banheira, dava banho, e eu colocava ewla pra dormir. Conforme fui introduzindo as papinhas doces e salgadas, passando esse pico, ela começou a ficar muito mais tempo acordada, em atividade mesmo, brincando e exercitando as novidades. Chegobuma hora que apesar dela querer ve-lo ela mesmo ficava uito cansada, ai ele mesmo começçou a achar ruim ela ficar acordada ou acordar quando ele chegava. Então, nesse momento, ficou estipulado que pra ela se acostumar, ele não iria mais mexer com ela depois que chegasse. Ate ela acostumar de verdsade, so eu atenderia se ela acordasse, colocando ela de volta pra dormir.Mas honestamente, assim que você puder, coloque ele em outro quarto. Se ele vai dormir no berço, dorme a noite toda. não mama de noite e, se mamar, e LA, vocês tão comendo bola em deixa-lo no mesmo quaryo que vocês. Qual a razão disso ainda?Enfim, boa sorte! E lembre de evitar alimentos que vcs tenham historico familiar de alegia, intolerancia sensibilidade etc pois qt mais cedo vc der isso ao paul, maior a chance dele vir a ter tb…bjs!

  9. ThaisMe conta uma coisa, pq vc só da banho no final da tarde inicio da noite??? vc é a primeira mãe que vejo fazendo assim, tudo o que leio é que o banho deve ser entre as dez e as 12 da manhã. Foi opção sua, como veio esse costume???(descuple se estou sendo chata)Renatahttp://diariodarenata.wordpress.com/

  10. 4 meses ja comendo papinha? adoro o blog

  11. Ive says:

    Só uma dúvida: mamando exclusivamente leite materno seu pediatra apoia este intervalo de 4h/4h mesmo com este tempo seco / calor?

  12. Thais says:

    Ive, esse intervalo é correspondente a uma dieta baseada em leite artificial + água e suquinhos no intervalo. Meu filho já não mama leite materno. De qualquer forma, como você pode acompanhar pelo blog, não foi um intervalo imposto, mas uma rotina estabelecida de acordo com a demanda dele mesmo. Ele só sente fome de 4x4h. ;D

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s