Lugar no metrô.

Hoje peguei o metrô da Vila Matilde até a República e ninguém, NINGUÉM levantou dos banquinhos cinzas ou azuis e deu lugar para sentar. Sério, não que eu esteja precisando (acredito que com um barrigão de 7 meses a coisa deva ser realmente punk), mas eu estou numa fase de ficar com tontura o tempo inteiro, daí em duas estações eu precisei descer e sentar durante uns 10 minutos para ficar “bem” de novo.

Por isso que eu falo, quer ficar patriotinha com Olimpíadas, vai praquele lugar. Enquanto o brasileiro não tiver educação, o país vai continuar a mesma m*.

Mas enfim né. Grande novidade.

O que mais me impressionava é que as pessoas olhavam para a minha barriga e simplesmente deixavam pra lá. O cúmulo foi uma dupla de ENFERMEIRAS que estavam sentadas juntas nuns desses bancos cinzas e elas me viram e continuaram lá conversando. Pô, enfermeiras. Você pensa que essas pessoas conhecem a rotina, sabem como são as coisas, não são pessoas comuns. Mas ficaram indiferentes.

A M. disse que ela chegava e mandava a pessoa sair, se não desse lugar, haha. Eu não tenho a manha. Por isso decidi evitar andar de metrô daqui pra frente. Principalmente para a zona leste. A família do A. que me desculpe, mas eu não vou ficar passando sufoco com aquele povinho feio e mal-educado. Prefiro ir de ônibus que ao menos sempre tem lugar.

This entry was posted in Gravidez. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s