30 semanas.

Acho que completar 30 semanas é meio mágico. Daqui a 10 semanas, ou o Paul já estará aqui, ou estará muito perto de chegar. E 10 semanas são 70 dias. Tudo passa voando mesmo.

“Assustada por ter engordado muito esta semana? Neste mês, as grávidas ganham entre 1,5 e 2 quilos, e é absolutamente normal engordar cerca de meio quilo por semana no último trimestre. Seu bebê está exigindo o máximo de nutrientes para crescer tudo o que pode antes de nascer. E você vai ficando cada vez maior. Tem gente que adora, tem gente que detesta.”

Isso é fato, mas minha postura, depois que as primeiras estrias apareceram na barriga, depois de prevenir tanto, é simplesmente entrar no “vamos que vamos”.

“Caso você ainda não saiba, agora já é tempo para você se informar sobre todo o procedimento e o que você deve fazer durante o parto. Você pode estar pensando em pular esta parte (como em “O que eu não sei não pode me machucar”), mas estamos aqui para lhe dizer que o que você não sabe vai doer mesmo assim …, então é melhor ir.”

É… pois é.

Como o bebê está:

– “Os pulmões e o sistema digestivo do seu bebê estão praticamente prontos. O crescimento vai diminuir de ritmo nas próximas semanas (ele mede cerca de 40 centímetros agora), mas ele continuará engordando até nascer.”
– “Esta semana, seu bebê provavelmente consegue enxergar o que acontece dentro do útero, distinguindo claro de escuro e até acompanhando uma fonte de luz.”
– “O bebê está envolto por cerca de 1 litro de líquido amniótico, mas esse volume vai diminuindo conforme a criança cresce e sobra menos espaço no útero.”
– “Seu bebê não ganhou muito peso ou altura, esta semana, como a maior parte de sua energia tem sido canalizado para o cérebro.” No último ultra, ele estava pesando 1,4kg. Fowfo.
– “A cabeça do bebê está crescendo, e o crescimento e desenvolvimento cerebral está bastante acelerado neste período. Praticamente todos os bebês já reagem à sons até a trigésima semana.” Tadinho, dá uma aflição quando ele acorda depois de qualquer barulhão.
– “A necessidade nutricional do bebê durante o terceiro trimestre é altíssima. Mantenha os olhos bem abertos para a sua alimentação e não desista nem se canse de comer alimentos saudáveis e ricos em proteínas, principalmente agora. Vitamina C, ácido fólico, ferro e cálcio (aprox. 200 mg é depositado no esqueleto de seu bebê à cada dia) formam a sua lista de prioridades. Durante o terceiro trimestre é quando o esqueleto do bebê se modifica e seus ossos tornam-se mais duros e o cérebro, músculos e pulmões alcançam a maturidade.”

Como eu estou me sentindo:

Lembro que eu lia a lista de sintomas do último trimestre quando estava no começo da gravidez e pensava “puxa vida!”, e agora é engraçado, às vésperas do oitavo mês, estar passando por todos eles.

– Colostro: sim! Saiu definitivamente pela primeira vez há dois dias, depois que eu tomei banho. Eu atribuo isso ao festival de contrações que foi a minha última semana. E meus seios estão super sensíveis e doloridos, muito mais que no primeiro trimestre. Mas assim, não fica saindo leite all the time. Saiu bem pouquinho naquele dia, e depois não reparei. Acho que é só depois do banho porque a água morna estimula os líquidos do corpo… acredito eu.
– Aumento dos seios: muito! Agora a coisa começa a pegar de verdade e todos os meus sutiãs de antes de engravidar começaram a ficar apertados. Pra falar a verdade, eu estava até estranhando… e agora eles recolveram crescer de vez. Ui!
– Desequilíbrio: sim! Preciso redobrar a atenção, é uma loucura.
– Contrações de Braxton Hicks: presentes. Vi uma tabela que diz que, às 30 semanas, é normal ter até 8 contrações por hora. Gente!
– Dificuldade no sono: HAHAHA.
– Falta de ar: HAHAHA [2].
– Umbigo protuberante: não, mas ele está diferente.
– Coceiras na barriga: all the time.
– Hemorróidas: não.
– Varizes as pernas: não.
– Edema (inchaço): de leve, mais no rosto, nas mãos e nas pernas (nessa ordem).
– Dores nas costas: esse é o tema do mês, definitivamente! Nunca senti tanta dor nas costas, o tempo todo, sem trégua, e de forma intensa desse jeito.
– Sangramento nasal e das gengivas: não!
– Congestão nasal: já até me acostumei…
– Dor de cabeça, desmaio e tontura: só tontura. As dores de cabeça pararam, ainda bem.
– Prisão de ventre: não.
– Azia, flatulência, distensão abdominal: sim.
– Dolorimento no baixo ventre e nas laterais: sim.
– Intensificação da leucorreia: sim, uma chatice essa parte.
– Atividade fetal mais vigorosa e mais frequente: sim, coisa linda. A sensação de que você não está sozinha é indescritível. Só passando por isso pra saber.

Agenda da semana:

– Jogar fora algumas coisas do quarto, limpar, arrumar, mudar a cama para a chegada do berço.
– Arrumar as coisas do Paul no armário. Vamos ver se agilizamos a questão das prateleiras – seria o ideal.
– Ganhar o berço? Parece que sim, e estamos torcendo.
– Comprar o restante da roupa de cama, lavar e passar.
– Listar as providências relativas ao berço que precisaremos providenciar. Quero comprar um trocador que acopla nele (já falei em outro post sobre). Também quero providenciar uma espécie de gaveteiro pra colocar embaixo, com a roupa de cama. Pode ser interessante também achar um porta-trecos de pano pra deixar fraldas, mudas de roupa etc. Vamos ver. Isso tudo é o que eu vou pensar quando o berço estiver montadinho aqui.

Dúvidas do momento:

– Acho que não vou mais passar no médico do SUS. É muito cansativo e acho que desnecessário, porque já decidi que não vou mais fazer o parto pela Beneficência Portuguesa (se for PN), e acho que, mesmo se fosse fazer, não precisaria passar por um médico do SUS. Será? Será? Será?
– Vale a pena correr o risco de fazer PN naquele hospital bagunçado do Brás? Na última vez que fui até o PS, tinha uma moça em trabalho de parto com muita dor precisando esperar na recepção, porque as antas queriam fazer ela assinar isso e aquilo, esperar autorização chegar por fax do convênio etc. O Ande ficou chocado e disse: “com cesárea marcada é só chegar tranquilamente e fazer né”. Mas eu não quero cesárea. Acho agressivo ao corpo, e o pós-parto muito difícil (especialmente para nós que moramos em sobrado e não vamos ter ajuda). Apesar de estar com essa dúvida na cabeça, vou deixar pra pirar de verdade só depois. Por enquanto, muita coisa ainda pode acontecer.
– O GO do convênio pediu um papanicolau. Pode fazer esse exame estando grávida? Não é muito agressivo?
– Tenho medo de comprar a cinta pós-parto GG e depois ela não servir.

Advertisements
This entry was posted in Semana a Semana. Bookmark the permalink.

3 Responses to 30 semanas.

  1. Di says:

    Oi moça, tudo bem? Tava lendo seu post e fiquei definitivamente preocupada com a parte que vc disse que vcs não vão ter ajuda… Ai fiqueicom umas duvidas… Ajuda você quer dizer com o Paul, ou com tudo? Tipo, lavar, passar, cozinhar, limpar a casa, etc? Se for o segundo caso… bom, eu recomendaria contratar alguém pra fazer essas coisas, nem que seja temporariamente por 2 semanas, preferencialmente o 1 mes. Se possivel, inclusive, antes do Paul nascer. é muito importante que a sua atenção nesse começo esteja voltada inteiramente só pro seu pequeno, pra vc e pro seu marido. Believe!

  2. Thais says:

    oi di,nós temos uma faxineira que vem a cada semana somente para limpar a casa, dar aquele trato geral que não dá pra fazer no dia a dia.a ajuda é com o paul mesmo. se eu fizer cesárea, vai ser punk.

  3. Mariii says:

    Nossa.. fiquei chocada com esta parte aqui do texto: Assustada por ter engordado muito esta semana? Neste mês, as grávidas ganham entre 1,5 e 2 quilos…" Acho q com 40 semanas então EU ESTAREI PENSANDO 700 KILOS HAHAHAHAAH enfim…. ossos do ofício =pfeliz 30 semanas!adoro números redondos!beijossss

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s