O que eu aprendi (na prática) sobre amamentação.

 No momento:

* Paul está mamando no peito no máximo duas vezes por dia. Em um intervalo de 3h, meu peito não enche nem um pouco. Ele pega, mama 10 segundos, tira o pouco leite que tem ali e começa a berrar. Eu ordenho e  realmente não sai mais nada. Para ele conseguir mamar sem parar para berrar, só pela manhã e uma vez à noite – ou seja, em um intervalo de mais ou menos 12h.

* Hoje resolvi tirar com a bombinha quando achei que meu peito estava cheio, até doendo, para ter uma ideia de quanto saía. Esvaziei os dois seios e o resultado foram só 30ml. Ou seja, pouquíssimo. Paul está acostumado a tomar 120ml de NAM. 30ml de leite materno não satisfazem nem de longe a necessidade dele.

* Voltei a usar as conchas de amamentação. Vamos ver o que acontece.

 Vou rebater esse post meu antigo:

* Preparar os seios antes não adianta nada se depois você não ensina o bebê a pegar corretamente no seio. E, mesmo assim, doer é normal, no começo. Demora pra acostumar, você sente o leite sair etc. Mas passa. Tem que ter perseverança, paciência e força de vontade.

* Nenhuma pomada vai fazer seus seios melhorarem se você não corrigir a pega. E é só “calejando” que eles param de doer mesmo. Nenhuma pomada resolveu nada pra mim – só deixava “geladinho” entre uma mamada e outra. O que resolveu foi parar de usar pomada e deixar calejar. Em no máximo três dias já estava tudo certo e doía um pouquinho só na primeira pega. Depois disso, foi diminuindo até parar de doer completamente. Tem que ser forte e acreditar que vai passar!

* É importante ter pessoas que saibam o que estão dizendo ao seu redor, quando você começar. Você vai ouvir muita opinião que, no auge do desespero, vai te confundir. E não adianta ter lido antes, pesquisado etc – tem coisa que a gente só vê na hora em que está acontecendo, daí esquece tudo o que leu. Ter alguém que te oriente é TUDO.

* Dar o peito toda hora não é solução. Só piora tudo – dá cólica no bebê, ele fica dependente etc. Mas não se preocupe com isso até o primeiro retorno ao pediatra. Dê o peito em livre-demanda SIM, para seu filho ganhar peso, e só depois comece a estruturar tudo. Ele ganhando peso normal te dá mais tranquilidade e você pegará um bom ritmo.

* Amamentar com calma é a única maneira de começar certo. Tire as pessoas de perto, pois só te deixarão mais tensa.

* Recém-nascidos só mamam e dormem, então não fique tensa se ele dormir no peito nas primeiras duas semanas, porque é só isso o que vai acontecer mesmo. Ele não vai se acostumar, só nesse período. Não pire.

* É importante dar de mamar de 2 em 2h até a primeira consulta com o pediatra, para saber se ele está ganhando peso bem. Se estiver, aí sim passe para de 3 em 3h. Sim, é f*, é cansativo, mas é por pouco tempo. Tenha em mente que você está fazendo o melhor pelo seu filho.

* Dar um pouco de complemento não vai fazer o bebê largar o peito e pelo menos você não fica nervosa achando que ele pode não estar se alimentando direito. Bebês mamam o tempo todo! Ele vai ficar o dia inteiro no seu peito, não se preocupe. Se eu tivesse essa certeza quando comecei, teria sido tudo muito mais tranquilo, quando ele não pegava meu peito de jeito nenhum. Eu poderia ter dormido e descansado melhor, me recuperado da cesárea definitivamente, se alguém pulasse pelo menos uma mamada pra mim. E, acredite: você estar descansada é fundamental, porque senão seu leite não desce.

* Uma boa maneira de garantir que seu filho seja alimentado e continue estimulando a produção do seu leite é esta:

Pesquise sobre relactação. Se eu soubesse disso quando meu filho nasceu, teria tirado 98% das preocupações da minha cabeça. Faltou experiência.

* Agora que tenho um bebê com refluxo, enfatizo a importância de fazê-lo arrotar mais de uma vez enquanto está mamando, para não vir um super arroto depois e ele vomitar tudo o que ingeriu. Mas bebês muito novinhos às vezes nem têm força para arrotar. Não fique dando tapinhas nas costas do seu bebê por mais de 15 minutos, coitado.

* É importante beber muita água o dia todo e comer alimentos que aumentem a produção de leite.

* Você precisa ter muita força de vontade para levantar numa madrugada gelada de inverno para dar de mamar. E isso não tem nada a ver com amor pelo filho, mas vontade interior mesmo. Amamentar é demais, uma sensação indescritível, maravilhosa, mas difícil.

Finalizo com um trecho tirado do meu outro post, quando eu não tinha ideia, na realidade, de que ele seria tão verdadeiro:

Que o leite materno é muito melhor para os bebês que o leite artificial, acredito que ninguém duvide. Mas seu bebê não vai morrer se tomar LA. Então, se você tiver algum problema e não puder amamentar, não se martirize por isso. O importante é fazer o melhor pelo seu bebê, e se você está fazendo, sua consciência deve estar limpa. Não é? 

Meu lema para a amentação é: o máximo que você puder fazer é o melhor possível. Cada uma tem seus limites. Você não é uma péssima mãe se não quiser mais amamentar o seu filho. Apenas tenha certeza da sua decisão, para não se arrepender mais tarde.

This entry was posted in 1 mês, Alimentação, Amamentação. Bookmark the permalink.

5 Responses to O que eu aprendi (na prática) sobre amamentação.

  1. Fabiana says:

    Nada como a vivência para nos dar experiência. A amamentação realmente é um sonho, mas ver o pimpolho fortinho é a mais doce realidade. Isso sim.Comigo tb foi assim no final, lá pelos 3 meses: os peitos não enchiam e ela pouco pegava. Foi acabando, acabando.. até ela não ter mais o que puxar.Mas a balança, ahhhh, essa me alegrava qdo mostrava ela ganhando peso com o LA.E a vida segue….Amamentar até 6 meses ou mais? Quem sabe num próximo filho. Mas nada de grandes expectativas. Vai ser o que tiver que ser….Bjokas.

  2. Nossa! Sabe que eu tive problemas no comecinho da amamentação..a Anna não pegava meu peito de jeito nenhum e eu comecei a entrar em parafuso com medo de ela estar passando fome..já em casa eu chorava porque ela pegava o peito com muito custo e largava logo em seguida.. Meu marido comprou uma bombinha..tirei um pouco de leite mas mesmo assim, sentia que não era o suficiente, ela sentia fome..Um dia lembrei do seu post falando sobre o bico de silicone e foi a minha salvação.. Ajudou muito e agora já estou arriscando algumas mamadas sem ele..Ainda tenho alguns probleminhas, tenho muito leite mas não sei o que acontece, a Anna não ganhou peso suficiente – Na verdade ela perdeu muito peso na maternidade – então estamos com o meu leite e um complemento de NAM.. Claro que não é o que eu queria mas, está ajudando..Já estou percebendo o ganho de peso.. Gosto bastante dos seus posts sobre experiências na maternidade..eles me ajudaram muito!!bjs!ALinemilanez.aline@gmail.com

  3. Alinne says:

    Olá ThaisSempre acompanho seu blog e gosto muito, tem me ajudado muito…parabénsEste post foi o relato do meu momento atual, meu bb tem 9 dias e tenho muito pouco leite, mas sempre dou quarenta minutos de peito e só depois o complemento, ainda tenho esperanças q. meus seios vão encher mais…estou usando um medicamento p descer, um sprai nasal e a pediatra ontem passou um homeopático, vamos ver se Deus quiser vai dar certo.O único problema é que o bb está dando muitos gazes…estou usando o nan soy.Gostei muito das dicas.bjsAlinne

  4. òtimas dicas para as futuras mamães!!eu queria tentar essa relactação! sabe onde vende essa sonda ai da foto??bjos

  5. Thais says:

    aline, vc não deve ter podido ler meu post a respeito, mas os bicos de silicone fazem o bb mamar somente o leite "magro" da mãe – ou seja, a fase inicial do leite, por isso eles não engordam. foi quando eu decidi tirar, na marra, mas já era tarde e precisei entrar com o complemento. me faltou essa informação na época, mas espero que pra vc não seja tarde. força!jakinha, vende na alô bebê, submarino etc. chama-se mamatutti.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s