Sling e as mais diversas reações.

Essa semana levei o Paul no sling até o supermercado, farmácia, lojinhas no caminho etc, porque a vida continua né, e eu preciso fazer as coisas. Ele foi sentadinho e adorou. Não dormiu, dessa vez – ficou todo espertinho olhando o mundo de coisas ao seu redor. Então entrei na loja de 1,99 pra comprar alguns cestinhos e só escutei a dona da loja conversando com uma outra cliente:

– Diferente né?
– É, dizem que faz bem para o bebê, porque fica pertinho da mãe.
– Hoje em dia tem cada coisa.

O sling sempre causa furor. Todo mundo na rua fica olhando. Algumas pessoas chegam a me abordar. Gente, que coisa! Eu não vivo no interior, em uma cidade conservadora! Trata-se de São Paulo! Incrível como as pessoas são afetadas.

Outro dia, no shopping, uma senhora me parou indignada, dizendo que eu estava “apertando e sufocando o menino”. Sinto como se fosse a Joana D’Arc em uma aldeia de outras camponesas.

This entry was posted in 2 meses, Produtinhos, Saindo com o bebê. Bookmark the permalink.

6 Responses to Sling e as mais diversas reações.

  1. Beatriz says:

    Oi, tudo bem? Passei a "frequentar" esse blog devido ao seu outro blog, "Vida Organizada". Adoro suas dicas(no vida organizada) e gostei de acompanhar sua vida como mãe. Só fiquei um pouco "insultada"(se é que posso assim dizer, pois acho a palavra um pouco forte) ao saber sua opinião sobre cidades do interior. Nasci e fui criada em uma cidade de 30 mil habitantes, no interior do estado de SP, com várias outras pequenas cidades as quais sempre fui, e posso dizer, com certeza absoluta: São Paulo é muito mais conservadora. Aqui a maioria das mães usam(não muito o sling, mas o canguru – é assim que o chamamos). Não só isso, mas em diversos outros aspectos também. Convivi com diversas pessoas(também já morei em SP) e garanto: os interioranos são mais modernos e livres. Somos caipiras, mas bem menos do que os que crescem cercados por quatro paredes, com medo de tudo e todos. Nada contra sua cidade natal, gosto muito aliás, no entanto fico triste ao perceber que muita gente ainda pensa assim. Parabéns pelos blogs. Beijos, Beatriz.

  2. Thais says:

    beatriz, obrigada pela visita, mas acho que passei a ideia errada! nunca tive qualquer preconceito com cidade do interior… aliás, minha família inteira é do interior e eu passei muito tempo lá. eu estava me referindo a cidades conservadoras do interior, com pouca gente, e não dizendo que todas as cidades interioranas são conservadoras.

  3. val maria; says:

    adoro o 'hoje em dia tem cada coisa' como se fosse o conceito do sling fosse algo moderno, novo… HAHAHAminha mãe, quando falei sobre sling, o apelidou gentilmente de 'pano de criança sem terra'. fofo, né? comprei um sling assim mesmo e ela viu que não é tão coisa de 'criança sem terra' como ela imaginava. que é bonitinho e até prático. vamos ver com a pequena no colo (que só nasce daqui dois meses) como será a reação das outras pessoas. acho que vou andar com panfletos e pedir desconto no babyslings!beijos, thais. seu blog é sempre incrível.

  4. Raquel says:

    povo adoooora dar pitaco, impressionante…. outro dia eu estava dando um danoninho pra Manu e uma "senhora" virou pra mim e disse que eu estava fazendo mal pra minha filha, que ela estava muito gorda…. ahhhhh vai comprar um gato, né?? e cuidar das 7 vidas dele… hahaha! bjos pra vc e pro Paul!

  5. diiiiih says:

    sempre acompanhei seu Blog mas nunca comentei, desde quando tava grávida, minha filha agora tá com 2 meses ;D onde vc comprou o seu sling ? tenho que comprar um u.u eu tentei fazer mas acho que não deu muito certo pq não consegui usar e a Marie ficou bem irritada quando tentei colocar ela, então minha mãe resolveu que vai comprar um pra mim. Eu fico vendo pela net e acho tão legal, mas nunca vi alguém aqui na minha cidade usando, quando falei para as minhas primas e minha tia, elas falaram que isso era coisa de índio e a Marie não era índia pra ser colocada no sling, ô ódio de gente mente fechada, isso pq não são eles que ficam '25' hrs carregando ela ¬¬Mas terminando com o meu momento revolts aqui, amo seu blog e acompanho silenciosamente (ounão) e seu filho é muito lindo e fofo *.* parabéns.

  6. Thais, como vc coloca o Paul no sling? Eu tentei com a minha pequena de 2 meses, mas ela só gosta de dormir lá dentro e só sentadinha virada para mim. Quando acorda começa a ficar inquieta…

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s