3 meses.

Paul hoje completa 3 meses. Fim do primeiro trimestre – viva! Agora ele já é um bebê mocinho.

Alimentação – Queria agradecer todos os comentários do último post sobre relactação. Ainda não dei meu veredicto – é muito cedo. Continuarei tentando e, daqui a alguns dias, conto como estaremos. Três dias não são nada. Paralelo a isso, ele continua tomando LA na mamadeira (não toma de outro jeito) e se dá muito bem com isso. Também há um vínculo forte. Adoro dar a mamadeira agarradinha com ele, na cama. Além do mais, ele também adora quando o papai ou as vovós dão. Ele está tomando de 110 a 140ml por mamada (às vezes mais, às vezes menos). Está mamando de 3,5×3,5h. De 3x3h, ele não sente fome. E está super saudável.

Atividades – Interage, sorri em resposta a qualquer sorriso, se dá super bem com qualquer pessoa com a qual se simpatize, adora festa e barulho, ama música, é apaixonado pelo Doki (o cachorrinho do Discovery Kids – mostrei alguns vídeos pelo YouTube), fica um tempão dando soquinhos nos bichinhos do tapete de atividades, brinca com o móbile, agarra muito descoordenadamente o mordedor, baba demaaais, fala “agu” e “arrru” o tempo todo, tenta conversar, fica doido querendo olhar tudo ao redor, adora passear no sling etc.

Sono – Essa noite, pela primeira vez, ele foi direto das 23h às 5h sem mamar, e ainda porque eu quis dar a mamadeira às 5h, “com medo de ele passar fome”. Pura besteira – ele não mamou nem 60ml e quis voltar a dormir! Acordou às 8h e mamou super pouco também. Resumindo: se eu tivesse deixado-o ir até às 7h, ele mamaria bem melhor. É que ele acordou às 2h reclamando. Dei a chupeta, e ele dormiu. Em nenhum momento ele acordou – só se esperneou, aquela coisa. Dá-lhe chupeta. Isso foi até às 5h, quando ele estava mais frenético, então interpretei como fome. Talvez ele só estivesse com frio, pensando melhor. Depois de mamar, eu o enrolei na manta e ele dormiu tranquilo. Vou fazer um post novo sobre a nossa rotina agora no quarto mês também. Um detalhe importante sobre as sonecas: ele dorme sozinho. É enrolar, colocar no berço, dar um beijinho e sair do quarto. Volto depois de 5 minutos e ele está dormindo. Acho isso uma conquista. Fofo demais.

Ande e eu estamos conversando sobre o Paul ter o quartinho só dele daqui a um tempo. Acredito que seja o tempo certo de a gente limpar o outro quarto, pintar, mudar tudo – ou seja, por volta de um mês. Penso que é bom para ele ter o quarto só dele e que, se não fizermos isso agora, só conseguiremos fazer quando ele for maior, pois senão vai ser difícil para ele. No momento, ele dorme no berço e nem percebe que nós estamos ali. Daqui a um tempo, já vai perceber, se continuarmos. Não é por mim. Acho uma delícia dormir com ele pertinho, além de ser mais cômodo (não vou mentir). No começo, era necessidade, por causa do refluxo. Agora, ele já não tem, praticamente, e dorme super tranquilo. Acho que é a hora certa. Além do que, o sono dele fica ruim com a gente no mesmo quarto, porque não dormimos às 20h como ele, então é lógico que qualquer barulhinho perturba um pouco. Isso é o principal. Penso também daqui a alguns anos, quando tivermos nosso segundo filho. Se ele ainda estiver dormindo com a gente e tiver que passar para o quarto dele, vai ser difícil, vai causar ciúme e chororô. Enfim, vamos trabalhar para isso agora.

E acho muito bom ele ter o quartinho dele! Um lugar só com as coisinhas dele, para ele brincar e bagunçar à vontade! Toda criança precisa disso. Deixar dormir junto é uma necessidade muito maior dos pais que da própria criança, ao meu ver, mas a criança se torna dependente, mais tarde. O Ande, por exemplo, dormiu com os pais até crescer e até hoje não consegue dormir sozinho direito, tem medo. Pensa bem. Homem formado, com mais de 30 anos. O vínculo criado entre pais e filhos vem de diversas formas de carinho no convívio, e não só desses extremos. Não vejo problema nenhum em o Paul vir dormir com a gente às 6h da manhã, por exemplo, se ele quiser. Mas a noite toda é ruim para ele, com certeza, pela qualidade do sono. E claro que haverá exceções, noites frias, noites com pesadelos, mas isso é normal. O importante é estar sempre presente e dando muito amor. Penso muito em tudo a longo prazo, no melhor para ele e para todos nós, sem dúvida. Ainda mais aqui em casa, onde nosso quarto é praticamente uma sala com tv, ele precisa de um lugar tranquilinho para dormir.

Hoje tem festinha.

This entry was posted in 3 meses. Bookmark the permalink.

7 Responses to 3 meses.

  1. Ana Gomes says:

    Parabéns pro Paul! Êeeeeeee….Muito legal sua antecipação. Não tenho filhos ainda, mas acredito que será muito bom cada um com seu cantinho, né?! Além do que, tem o que vc falou, às vezes a noite dele não é tao tranquila com vcs ali.Ahaaaaaaaa…. peguei um pensamento seu: "daqui a alguns anos, quando tivermos nosso segundo filho"… Thaís, acompanhei seu post quando disse que o Paul talvez fosse filho único, e confesso que fiquei triste quando li, pq na verdade, o que mais pesava naquele momento, acredito eu, eram as dificuldades que tiveram no parto e pós parto. Até comentei na época, (acho que foi meu primeiro comentário no seu blog) e agora, lendo essas poucas palavras, vejo que superou tudo. Fico feliz demais!

  2. Fabiana says:

    Coleguinha Paul.Meus parachoques por seus 3 meses.Pra vc, muias brincadeiras, muito leitinho, muita farra e alegria.Um uta apertado da sua amiguinha Laurinha.

  3. Que fofo!!!! como ta esperto, não vejo a hora de vê-lo…afffEu tb não vejo a hora do Lennon ter o quartinho dele, aliás, ele já tem, pintadinho, arrumadinho, com guarda-roupa enorme só pra ele e tudo, mas ainda não tive coragem de mandá-lo pra lá, acho que só vou fazer isso no começo do próximo ano (talvez antes um pouco, vai depender de $$) pois quero colocar uma cama planejada, espaçosa pra ele lá…o berço é muuuito pequeno já.

  4. Parabens pelos 3 meses Paul!!Que lindo, passa rapidinho né!!Agora estamos no esquema 3×3 aqui, Bryan não dorme mais longas noites seguidas…buáááE pelo visto esse tapete é um ótimo investimento né!! tô pensando em comprar um pra ver se o Bryan começa a querer pegar os bichinhos, porque por enquanto ele só agarra a fralda…e adora colocar no rosto e na boca, tem horas que não posso deixá-lo sozinho, senão ele cobre o rosto todo com a fralda…kkkkkkkkE não posso deixar de comentar que fiquei aqui boba com: quando tivermos nosso segundo filho…ahahahha, Sabe que quando sai da maternidade e depois de uma semana, intenso baby blues, pensei: como tem mulherer que conseguem ter mais de um filho? sabendo que vai passar pelo perrengue novamente…rsrsE 1 mes depois eu ja estava planejando o nome dos futuros babys…hahahahahahaVai ser lindo o Paul ter um irmãozinho (a)E é bom ele ter só o quartinho dele mesmo!! Privacidade é tudo!!Bjoos

  5. An@ Paul@ says:

    Parabéns!!! Graças a Deus q está tdo bem com o babyzinho…..

  6. Lais says:

    Olá! Essa é minha primeira visita ao seu blog, te encontrei no blog de alguma mamãe, mas não lembro qual, tô acompanhando tantas! rs… Li seu blog sobre relactação e senti o que vc passou, pois passei algo semelhante. Amamentar não é assim tão fácil como parece! Mas ainda bem que seu bebê até que mamou bastante seu leite, o suficiente pra ficar forte e saudavel. Dizem que só o colostro já tem mais anticorpos do que o leite que vem depois, mas enfim… O importante é ele estar bem!E parabéns pelos 3 meses do Paul! O meu bebê se chama Douglas e já tem 4 meses e meio, já é um mocinho hehehe… Essa fase é uma delicia, eles começam a perceber melhor o mundo em volta deles, aprendem que tem mãos e como usá-las – e é muito comédia ver as mãozinhas descoordenadas agarrando tudo o que ve pela frente! A cada dia que passa eu percebo que é muito divertido ser mãe!Beijos pra vc e pro Paul!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s