Under my thumb.

Tenho escrito mais no meu diário de papel mesmo. Passo por uma fase de renovação, digamos, onde quero voltar a fazer as coisas para as quais nasci para fazer, como ter banda e escrever. A gente só vive do que gosta se corre atrás disso – não adianta ficar na frustração, especialmente se você lida com arte e intelecto. Todo mundo que trabalha com isso sabe como é difícil ganhar dinheiro nessas duas áreas no Brasil, a não ser que você escreva livros de auto-ajuda engraçadinhos ou seja guitarrista da banda da Ivete Sangalo. De qualquer forma, estou procurando músicos para banda de rock dos anos 60: Rolling Stones, Guess Who, Beatles, Small Faces, The Kinks, The Doors, Jefferson Airplane, The Zombies, Yardbirds, Pink Floyd (Syd B.), The Byrds, Velvet Underground… all the young dudes. Se souberem de alguém, P-L-E-A-S-E share. Banda cover “comercial” (= o que os donos de bares querem) é uma alternativa ao mainstream. Se você tiver uma boa banda e bons contatos, dá para viver disso sim. Aliás, tem muita gente que vive disso e a banda nem é tão boa. re. Contatos e correr atrás são tudo o que você precisa.

Sobre escrever, eu já praticamente vivo disso, mas não consigo me intitular “escritora”. Fazendo isso, eu me colocaria na mesma categoria que pessoas tipo Clarice Lispector e Fernando Pessoa, e só de falar já dá um pouquinho de vergonha. Mas eu escrevo, vendo o material que eu escrevo, e tenho um monte de projetos de livros parados, porque é desanimador o mercado editorial. Mesmo assim, estou retomando aos poucos a maioria dos meus projetos e não quero mais parar.

Fora isso, ainda tem a possibilidade de começar a trabalhar em um emprego “normal”, mas isso só quando o Paul estiver falando e puder ficar em uma escolinha. Até lá, preciso me virar. Tem o concurso e a minha carreira, que estava ok antes de engravidar. Se eu conseguir juntar algum dinheiro, pretendo fazer algum curso esse ano, só para não deixá-lo em branco no meu currículo. Tipo, “tive um filho mas pelo menos fiz este curso”. Acho que todo mundo aqui sabe que eu gostaria de trabalhar com Moda, e é onde eu vou procurar. Quando eu engravidei, estava terminando um curso no Senac e tinha pedido demissão do meu último emprego há 1 mês, pois queria justamente mudar de área…

Enfim, retomando a minha vida. É importante para mim e também para o Paul ter uma mãe que faça as coisas que ela gosta, porque educar é dar exemplo.

 Fim de semana.
This entry was posted in 3 meses, Eu. Bookmark the permalink.

3 Responses to Under my thumb.

  1. Thais Bessa says:

    Ha, nossa história é bem parecida, engravidei um mês depois de pedir demissão justamente por querer uma mudança de carreira. Mas desde então faço consultorias, assim não fica nenhum buraco no currículo. Então estes projetos que vc faz e tal, tudo isso conta. E na verdade ser self-employed assim soa bem, pois demonstra uns skills tipo organização, planejamento do tempo, etc etc.Bjos

  2. Nat says:

    oie thais!Eu acho que uma das coisas mais maravilhosas que existem é trabalhar com aquilo que vc gosta (e não simplesmente gostar do seu trabalho). Eu ainda estou me achando nesse mundo todo, termino minha facu esse ano mas acho que a vida tem que ser mais do que se matar pelo trabalho só p ganhar o dinheiro no fim do mês e confesso que não sei se quero ser arquiteta pra sempre! Já meu marido é um músico frustrado que se contenta em cantar como hobby pois sabe das obrigações que adquiriu com a vida (e simplesmente largar td p tentar viver de musica é meio maluco essa altura do campeonato…) Mas eu o incentivo muito e quem sabe um dia td isso não mude e a gente possa, como vc disse, ensinar que devemos fazer o que gostamos, dar o exemplo….Beijos!

  3. ღ Keka ღ says:

    Ah Thais adoro seus Blogs, aliás acompanho todos, só não tenho tempo de comentar sempre mas tô de olho em tudo! Adorei a frase "educar é dar exemplo", e é mesmo!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s