Nossa rotina com 4 meses e meio.

Estamos em uma rotina 4x4h (mamadas) e tudo é organizado de acordo com os horários em que ele toma o leitinho e dorme. Geralmente ele acorda entre 6h e 7h, e então nosso dia começa. Para simplificar, postarei mais ou menos como está a nossa rotina com ele acordando às 7h. Lembrando que eu sigo o método da Tracy Hogg (Encantadora de Bebês), apenas para situar quem não lê o blog faz tempo.

07h00 – Acorda para a primeira mamada do dia. A quantidade varia, porque esse é o horário preferido dele de fazer cocô (ele acorda e logo faz, ou faz durante a mamada), e quando isso acontece ele para de tomar o leite. Toma uma média de 210ml.

07h15 – Coloco para arrotar e troco a fralda. Se ele estiver muito aceso, já levanto com ele e o deixo brincando no tapetinho enquanto me visto, olho meus e-mails e organizo meu dia. Se ele estiver sonolento, durmo mais um pouquinho com ele (até umas 8h30 ou 9h, mais ou menos). Mas olha, é super difícil de acontecer. Ele costuma ficar sonolento assim somente quando acorda entre 6h e 6h30, daí dormimos até o mesmo horário (8h30-9h). Já percebi também que, quando ele acorda antes das 7h, quase sempre é porque está com gases, porque faz cocô assim que o levantamos, ou enquanto está mamando. Mesmo assim, prefiro dar o leitinho de qualquer forma. Só coloco para dormir novamente se for antes das 6h, porque ainda não amanheceu. Ainda não teve um caso de ele acordar às 3h chorando absurdamente e eu concluir que era fome. Claro que, se acontecer, vou dar o leitinho e, no dia seguinte, aumentar as mamadas para não ficar com fome de noite novamente (especialmente em impulsos de crescimento). Mas ainda não aconteceu. Ele sabe que de noite é hora de dormir. Quando passa por um impulso de crescimento, ele fica mais faminto durante o dia e é bem nítido. Aumentei os mls nas mamadas e de noite ele continuou dormindo normal.

08h15 – Levando em conta que ele acordou às 7h para tomar o leite e ficou acordado, por volta desse horário eu já o tiro do tapete, que considero frenético demais, e o coloco na cadeirinha para fazer outras coisas pela casa. O objetivo é diminuir as atividades para ele não ficar muito agitado na hora da soneca.

08h45 – Eu o levo para o quarto para começar o ritual do sono, desta vez para a primeira soneca da manhã. Percebam que ele deve estar dormindo 2h após ter acordado, que é o tempo máximo que ele aguenta sem se agitar demais, então começo o ritual 15m antes. Fecho a janela, troco a fralda (se fez cocô) e fico com ele no colo até ele começar a fechar os olhinhos. Ainda acordado, eu o coloco no berço e fico ali até ele voltar ao estado em que estava no colo (porque às vezes ele abre os olhos quando eu o coloco no berço, mas na maioria das vezes ele dorme direto). Essa primeira soneca da manhã é bem tranquila, porque ele está descansado da noite bem dormida pouco antes. Costuma dormir por volta de 40m a 1h, só, porque não está com tanto sono assim. Se ele dorme 20m e acorda rindo, parecendo bem disposto, tudo bem. Mas se ele dorme pouquinho e acorda agitado, chorando, mal-humorado, eu o faço dormir novamente. Se não consigo acalmá-lo no berço, eu o pego no colo e repito o ritual de colocar para dormir. Nessa segunda dormida ele vai tranquilo durante mais 30m.

09h45 – Acorda. Sempre que ele acorda, deixo que ele tenha atividades mais intensas. É a regra: acordou, pode brincar bastante; está chegando a hora de dormir, diminuo o ritmo. Percebam que ainda está longe do horário de mamar (11h), então o deixo brincando no tapetinho, geralmente. Ele se diverte bastante porque está bem disposto. Eu aproveito para trabalhar e fazer mais algumas coisas por perto, como trocar a roupa de cama, guardar o que está fora do lugar etc.

10h45 – Paro tudo para tirá-lo do tapete e fazer o leitinho. Como ele já está há 1h acordado, e brincando direto, se ficar mais tempo fica muito agitado. Deixo-o no berço conversando comigo enquanto eu preparo a mamadeira.

11h00 – Segunda mamada do dia. Como ele estava brincando antes, provavelmente está com muita fome e toma cerca de 240ml. Quando ele acorda às 6h e dorme mais, nessa mamada ele não toma muito leite (fica acumulada a fome para a mamada seguinte). É tudo questão de observar o bebê.

11h15 – Coloco para arrotar e troco a fralda. Via de regra, troco a fralda a cada mamada. Se ele fizer cocô no intervalo, troco imediatamente (ainda mais depois que ele ficou com assaduras). Como agora ele não ficará muito tempo acordado, aproveito para fazer atividades mais tranquilas – coloco-o na cadeirinha e desço para comer alguma coisa, colocar a roupa para lavar ou limpar rapidamente o banheiro.

11h30 – Começo o ritual do sono.

11h45 – Dormindo. Essa soneca costuma ser bem curta (30m-40m).

12h15 – Acorda. Verifico a fralda. Se estiver ok, deixo-o no tapetinho novamente, onde ele fica rolando para lá e para cá durante meia hora. Eu continuo trabalhando. Por volta de 12h45, eu o tiro do tapete e fico brincando com ele na cama. Ele costuma ficar com sono mais cedo nesse horário, então quando passa mais ou menos 1h ou 1h15 com ele acordado eu já fico de olho nos sinais de sono, para colocá-lo para dormir antes da próxima mamada.

13h15 – Começo o ritual do sono.

13h30 – Dormindo. Ele dorme bem nesse horário (cerca de 1h30). É quando eu consigo trabalhar no meu livro ou fazer qualquer outra atividade que demande mais atenção.

14h45 – Esquento o meu almoço e preparo a mamadeira. Com ela pronta, almoço esperando ele acordar. Se não deu tempo de esquentar o almoço, deixo para fazer isso depois que ele mamar (mãe sofre, hehe). O almoço esquentado é a janta que fizemos no dia anterior. Nós já fazemos numa quantidade maior para ter o que comer no dia seguinte e eu não precisar fazer comida mais de uma vez por dia, o que me faz ganhar tempo.

15h00 – Acorda com fome! É a terceira mamada do dia. Na maioria das vezes, ele toma cerca de 240ml.

15h15 – Coloco para arrotar e troco a fralda. Se ainda não almocei, desço com ele para pegar minha comida e deixo-o no momento Discovery Kids enquanto eu almoço (durante uns 15m). Até eu já gosto da Martha (a cachorra que fala).

15h30 – Ele fica na cadeirinha enquanto eu lavo a louça, varro os quartos, coloco a roupa para secar, enfim, faço o que ainda precisa ser feito pela casa. Se precisamos sair, faço nesse horário, por causa do sol.

16h30 – Quando saímos, lá pela metade do caminho ele tira uma sonequinha no meu colo, o que o faz aguentar até a hora de dormir mesmo. Aqui em casa, tento fazê-lo tirar uma soneca lá pelas 16h30 (de 30m no máximo). Se ele não dormir, deixo ele bem quietinho, tipo brincando com o móbile (desligado) no berço, ou fico com ele na cama conversando, lendo historinhas etc. O objetivo é não agitar demais, diminuir as atividades. Já falo até mais baixo com ele.

17h50 – Coloco a banheira para encher, separo a roupinha que ele vai usar para dormir, fralda, óleo, pomada para assaduras, ad-til, escovinha, pano de boca, toalha, shampoo e sabonete.

18h00 – Tiro a roupa, a fralda, limpo o bumbum e banho! Quem faz esta atividade é o papai, mas quando ele não está, sou eu que faço.

18h20 – Papai faz massagem e veste a roupinha. Eu já vou preparando o leite porque senão ele abre um berreiro absurdo. Mesmo com menos tempo de intervalo de uma mamada para a outra (3h30), ele parece ter mais fome nesse horário. Capricho na mamadeira e fico esperando para pegá-lo.

18h30 – Quarta mamada do dia. Ele sempre toma tudo (240ml). Ruim é quando faz cocô, porque acabou de tomar banho, porque ele mama menos e isso significa acordar antes da mamada dos sonhos. De qualquer forma, mesmo trocando a fralda novamente ele já está pronto para dormir.

18h45 – Ritual do sono. Normalmente é coisa de 1 minuto. Ele já sabe que de noite é hora de dormir.

19h00 – Dormindo. Eu tomo meu banho, Ande faz as coisas dele, depois prepara a nossa janta enquanto eu fico lendo ou estudando no quarto, vendo o Paul.

23h00 – Quinta mamada do dia – a mamada dos sonhos. Se ele mamou pouco às 18h30 (porque fez cocô, por exemplo), preciso dar a mamada dos sonhos quando ele começar a resmungar, por volta das 22h, senão ele acorda. Ele toma cerca de 210ml dormindo, coloco para arrotar e, mesmo dando uma acordadinha, fica sonolento e já dorme de novo.

23h15 – Faço a minha rotina noturna final, que inclui escovar os dentes e separar a roupa para o dia seguinte, e antes da meia-noite estamos na cama. Se vou sair com ele (pediatra, por exemplo), já deixo a bolsa de passeio arrumada também. Paul dorme bem a madrugada inteira. Às vezes acorda requisitando a chupeta, mas é só dar que ele prossegue dormindo. Já aconteceu de acordar às 2h30 porque fez cocô, eu trocar a sua fralda e ele voltar a dormir sem problemas. Lá pelas 5h ele começa a ficar inquieto, despertando entre 6h e 7h. Nos dias mais difíceis, se ele fica acordando muito no berço, eu prefiro colocá-lo para dormir conosco a ficar levantando de 5 em 5 minutos para colocar a chupeta ou fazer o PU/PD. Afinal, eu também preciso estar descansada no dia seguinte.

Sobre as papinhas: geralmente dou na mamada das 11h. Sucos, quando ele acorda às 9h (se dormiu). Aos poucos, vou incorporando nos intervalos. Hoje na consulta com a pediatra vou tirar algumas dúvidas com ela.

As coisas prosseguem bem assim. Vale lembrar (mais uma vez) que não é uma rotina rígida, estritamente nesses horários colocados. Como eu disse no começo, resumi mais ou menos como são as coisas baseadas nos horários de sono e mamadas. Três coisas são essenciais:
– respeitar o intervalo das mamadas, para ele não ficar com fome;
– ficar atenta aos sinais de sono, para ele dormir bem e não ficar agitado e chorando;
– ser rígida quanto ao horário da rotina noturna (a partir do banho).

Muitas pessoas me perguntam: “mas como vocês fazem quando saem à noite?”. Bom, é muito raro acontecer. Impossível você me ver passeando com o Paul no shopping de noite, por exemplo, ou no mercado, porque eu respeito o horário de sono dele. Quando é inevitável (chegamos tarde de algum lugar ou temos visitas à noite), sou flexível, porque se trata de uma exceção. Mas não dá para basear o dia-a-dia em exceções. Tendo uma rotina estruturada e que respeita o ritmo do bebê, quando é preciso sair dela o estrago não é tão grande e no dia seguinte tudo volta aos eixos. É preciso ter consciência de que é uma fase e, enquanto o filho for criança, ele dorme mais cedo! Bebê, então, nem preciso dizer. Trata-se de uma escolha que as mães podem fazer… ou não.

This entry was posted in 4 meses, Encantadora de bebês, Rotina. Bookmark the permalink.

8 Responses to Nossa rotina com 4 meses e meio.

  1. minha rotina dos sonhos seria Bryan mamar de 4 em 4,mas aqui por causa das papinhas, acabei bagunçando todo horário, e ele voltou a mamar de 3h em 3h, e tem horas que mama de 2h em 2h!Ele chora e eu já vou logo fazendo a mamadeira. AInda mais quando estou sozinha acabo não tendo aquela coragem de esperar fazer 4h, com isso ele mama menos e sente mais fome cedo.Nha, mas eu consigo…rsBj

  2. Thais Bessa says:

    Eu também só fixo a hora das comidinhas e de dormir, o resto ela mesmo foi encaixando, mas varia, tem dia que são 3 sonecas, tem dia que 4, se estiver com sono, eu apenas observo os sinais (parece uma coisa de filme de ficção científica isso de observar os sinais, rs). O melhor sono dela é o do final da manhã/hora do almoço. De tarde ou dorme 40 min-1 hora no começo e 40 minutos no final, ou só o primeiro sono. Ela é bem ativa de tarde, por isso eu saio nessa hora. Ontem estava relendo a Tracy e para bebê energético ela fala que é melhor sair de manhã pra ele dormir e acalmar a tarde, mas com a Isabella é o contrário e em time que está ganahndo não se mexe (estão vendo como a gente não é radical? hehe).Tomara que a ansiedade da separação não seja tão foda por aí, viu. Vai pedindo pra sua mãe ou sua avó, sei lá, ficarem com ele umas horinhas, alguém que não seja você ou o Ande, acho que facilita.Bjos

  3. Clarinha says:

    Muito legal sua rotina, Thais. Está bastante estruturada. Agora que Joao anda com mais peso, consegui espaçar um pouco mais as mamadas, mas ainda de 2 em 2 horas! Fora isso, estou tentando ficar bem atenta aos sinais do sono e repetir sempre o mesmo ritual de dormir à noite. Está melhorando! Joao é muito ativo e muito carente, não fica brincando sozinho como o Paul e luta contra a soneca! Uma dúvida, antes vc usava o método de embrulhar o Paul na manta e fazer shhhh para adormecê-lo. Como foi a transição para apenas colocá-lo no colo e depois berço?Abraços

  4. Oi Thais!Tenho uma notícia boa pra dar: Lucas já tem 3 dias que dorme a noite toda! Dorme as 19:30, mama as 23h e vai até 6/7h!! Estou muito feliz! Funciona mesmo o método da Tracy :)O problema: eu estou acordando direto! rsrsrs Acordo as 03h e não durmo mais… Ah, vi que vc saiu do Orkut! Que pena! Vai fazer falta na comunidade que vc criou.Beijos em vc e em Paul fofo!!

  5. Thais says:

    Jakinha, conta direito isso aí porque eu morro de medo de ele querer mamar de 2x2h depois que começar de verdade com as papinhas! Preciso do seu relato!Thais, aqui o número de sonecas varia também. Nem me ligo muito nisso. Fico mais atenta à qualidade do sono mesmo, e tem dado certo. Só fixo os horários no que eu falei mesmo. Que engraçado que ela fica agitadona à tarde! É enérgica mesmo! Sobre a ansiedade da separação, fico torcendo para ser mais fácil com o Paul. Ele fica numa boa com qulquer um. Geralmente, aos sábados, ele fica praticamente o dia inteiro com a minha avó, enquanto eu faço faxina e arrumo a casa. Vou saber só na época mesmo, aiai.Clarinha, calma que tudo tem o seu tempo. O Paul foi ficar mais independente só depois mesmo. No começo eles quase não ficam sozinhos. Eu o enrolava na manta sim! Só pareid e fazer isso porque chegou o calor, mas até um tempo atrás eu o enrolava. Com uns 3 meses eu comecei a deixar os braços de fora, porque ele começou a morder as mãos. A técnica de embrulhar e fazer o shhhh me ajudou durante muito tempo. É a melhor. Eu parei de fazer o shhh quando percebi que ele começava a ficar mais irritado com isso. Então só dava os tapinhas, em silêncio, e o colocava no berço. Com o tempo, ele também foi se irritando com os tapinhas, então só ficava com ele no colo. Agora, acho que por causa do calor, ele também não quer ficar no colo, hehe, e coloco direto no berço. Você vai ver como o próprio Pedro vai te dizer com o tempo.Carlinha, essa é realmente uma notícia feliz! Não falei que o que realmente funciona é a repetição, dia após dia? Que bom! Fiquei contente! Quanto à comu no Orkut, é uma pena mesmo, mas temos o grupo no Facebook, que está "bombando", rs. Entre lá!

  6. Nat says:

    Você é minha ídala, really!Cogitei até em vender um rim pra bancar uma diária da Tracy Hogg aqui em casa mas a Thais Bessa me disse que ela morreu..=/

  7. Camila says:

    Ai, não vejo a hora de ter uma rotina bem estruturada assim!

  8. Cris Bomfim says:

    Obrigada por sua visita no blog.Eu não tenho o livro (por enquanto) então sigo o que leio nos blogs, principalmente e mais mesmo leio e aprendo do seu!Comecei nessa semana a implantar a mamada dos sonhos (ele mama LM exclusivo), mas ele acorda ainda as 3h30 e depois entre 6h30 e 7h… será que ele um dia dormirá a noite toda? Sem parar nessa mamada das 3h30?Durante o dia as sonecas são todas bagunçadas… aff, estou tentando faze-lo mamar de 3/3h, mas está bem difícil (estacionamos nas 2h45).Enfim, parabéns por sua rotina com o Paul, fico animada de ler e saber que dá certo.Vou continuar tentando, perseverança sempre! hehe

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s