Planejamento da viagem (e listinhas!).

Demorei para postar sobre o que levamos na viagem, mas aqui está! Espero que ajude bastante quem está planejando viajar com um bebê – apesar de existirem tantas particularidades de caso para caso (quem amamenta não precisa levar mamadeiras, aquecedor etc, por exemplo).

A primeira providência foi conferir a previsão do tempo no Climatempo. Vendo de 2 a 3 dias antes, é super confiável. Depois, fiz uma simulação dos dias da viagem. Assim: viajaríamos na sexta e voltaríamos na terça à tarde. Separei umas listinhas tipo: “sexta: viagem de van, duas paradas, chegada no hotel”. Assim, eu saberia o que seria necessário em todos esses momentos (número de papinhas, mamadeiras, fraldas), além de reservar extras.

No dia da viagem, garanti que ele tomasse um leitinho imediatamente antes de viajarmos, para dormir em seguida. Se você puder viajar de acordo com os horários do bebê, certamente é a melhor opção. Então ele mamou, entramos na van e logo ele dormiu. Acordou 2h depois, pouco antes de pararmos. Na primeira parada, troquei a fralda e dei a papinha. Voltamos a viajar e eu sabia que ele não dormiria novamente. Ele foi bem quietinho, na cadeirinha. Quando começou a ficar enjoado, tirei o brinquedo favorito da mochila (o super patinho) e dei a ele, que ficou entretido durante algum tempo. Quando enjoou, dei um brinquedinho novo (um controle remoto que a minha mãe comprou, que toca umas musiquinhas). Isso funcionou bem e acredito que, com crianças maiores, o efeito deva ser ainda melhor. Veja o resumo mais para baixo.

O que eu levei, afinal:

Mochila do Paul:
– 10 camisetas/bodies de manga curta
– 5 camisetas/bodies de manga comprida (para usar de noite)
– 7 calças (2 a mais)
– 7 shorts (2 a mais
– 4 pares de meias (se usar
– 1 boné
– 1 casaquinho de frio com touca
– 1 manta de lã
– 1 lata de NAN 900g (enorme)
– 1 garrafa de bonafont (enorme)
– 10 fraldas (vamos comprar mais lá)
– 1 pacote de fraldas p/ água
– 4 papinhas
– 1 pacote de lenços umedecidos
– 4 fraldas de pano grandes (para as golfadas)
– protetor solar
– 1 pomada anti-assaduras
– 1 caixa de lenços
– 1 shampoo que também sirva como sabonete
– 1 óleo
– 1 colônia
– álcool gel
– escova de cabelo
– ad-til (vitamina)
– rinossoro
– aquecedor de mamadeiras (que também aquece papinhas e esteriliza chupetas etc)
– detergente (para lavar as mamadeiras)
– escova de lavar mamadeiras
– toalha

Bolsa de passeio:
– 2 mamadeiras
– 1 mamadeira para água
– frasqueira térmica
– porta leite em pó
– 2 porta-chupetas
– 2 chupetas
– correntinha de chupeta
– 1 casaquinho de frio com touca
– estojo com 2 colheres
– 2 papinhas
– trocador dobrável
– 1 muda de roupas
– 10 fraldas
– 1 pacote de lenços umedecidos
– 1 caixa de lenços
– 3 babadores de plástico (medo)
– 1 fralda grande (golfadas)
– paracetamol
– nenê dent
– luftal
– termômetro
– 3 brinquedos
– 3 sacos plásticos (lixo, roupa suja e um sobressalente)
– nossos documentos
– agenda com todos os telefones úteis
– cadeirinha (não na bolsa, claro)

Veja aqui os posts durante a viagem:

Dia 1: a chegada.
Dia 2: Paul surpreendendo.
Dia 3: chegando em São José do Rio Preto.
Dia 4: altas aventuras.
Dia 5: a volta.

No geral, deu tudo certo. Fiquei mais tranquila pensando todos os detalhes desse jeito.

A ideia foi:

– Não precisar lavar nenhuma roupa durante toda a viagem (sobraram umas duas mudas de roupas limpas, bem o que eu tinha planejado de extras mesmo).
– Comprar bastante coisa chegando no local, para evitar bagagem extra.
– Não se basear muito no “e se”. Se for assim, vamos levar MUITA coisa.
– Tentar manter a rotina dele o máximo possível (ele ficou mais agitado que o normal mas a rotina se manteve dentro do possível, o que foi fundamental).

A única coisa que eu não levei e senti muita falta foi da banheira do Paul. Ele estranhou o chuveiro (sendo que aqui em casa às vezes toma banho nele, então fiquei surpresa) e chorou todas as vezes que demos banho nele. Aquelas piscinas infláveis são boas quando o bebê já senta sozinho, eu acho, porque no banheiro do hotel não tinha espaço alto para apoiar. Eu deveria ter comprado uma bacia na cidade em que chegamos. Seria mais barata e mais eficiente (sinceramente).

This entry was posted in 5 meses, Listas, Organização, Viagens. Bookmark the permalink.

4 Responses to Planejamento da viagem (e listinhas!).

  1. Lena Argolo says:

    Que legal!!! Sempre viajei muito com o Heitor, afinal, são cinco horas de avião, no mínimo, saindo de Roraima para qualquer lugar! Tenho um post lá sobre viagens com o bebê, http://descobrindoheitor.blogspot.com/2010/09/o-que-levar-na-viagem-com-o-bebe.html. Depois venho ler com calma os posts de toda a viagem, estou curiosa!A banheira tb sempre foi meu dilema… Já usei banheira inflável, já usei bacia no local. Se ele sentar, acho bacia a melhor opção. Se ele ficar de pé, tem que ser uma bacia firme, senão ele se apóia na borda e vira.Antes, eu dava o banho no chuveiro, com ele deitadinho no meu peito, no colo… Mas depois ele foi ficando pesado e foi ficando difícil! A banheira inflável da Munchkin (patinho) é estreita quando ele era pequeno e hoje ele fica querendo sair dela. Enfim, não encontrei o ideal ainda… Acho que você tem razão sobre a bacia, uma bacia alta é o mais próximo do ideal…Abraços!

  2. Karina says:

    OIII! A minha pequena ainda não nasceu, mas como meus pais não moram em SP sei que vou viajar bastante, adorei as dicas…Bjos!!!

  3. Milla Muglia says:

    Só viajamos pra longe uma vez, esvaziei o guarda roupa dele, levei tudo!A metade não usei mas ele só tinha um mês e eu ainda estava sem noção!Adorei a lista, na proxima empreitada vou fazer assim tb!!Bjkas!

  4. Nossa, eu levei quase toda a casa na primeira viagem do meu menino.Da segunda em diante fui me aperfeiçoando, como viajamos muito, são longos caminhos e na maioria das vezes internacionais eu fui aos poucos diminuindo o tamanho da bagagem.E a minha também viu, agora só levo o mínimo do necessário do essencial e se faltar algo nós compramos pois comércio há em qualquer parte.Nós mães de primeira viagem literalmente viajamos nas bagagens, mas é bom pois melhor sobrar do que faltar.Beijocas Thais, e muitas outras cheias de carinho no Paul (o bebe lindo de camisas Rock mais fofo da blogosfera – junto com o meu é claro! Rsrsrsrsrs…).

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s